Leão Cecil é projetado no Empire State Building

Espécies ameaçadas de extinção não estão sempre na vanguarda do debate púbico, mas o tema recebeu atenção significativa neste fim de semana em Nova York.

Durante três horas no sábado à noite, a fachada do Empire State Building foi acesa por 40 projetores que mostraram imagens impressionantes de 160 diferentes espécies ameaçadas de extinção.

Este projeto, intitulado “Projecting Change” (Projetando Mudança), foi organizado pelo Discovery Channel para promover seu novo documentário chamado “Racing Extinction“, que vai ao ar em dezembro nos Estados Unidos.

Entre as imagens mostradas, estava a de Cecil,  um leão africano de 13 anos de idade que vivia no Parque Nacional Hwange em Matabeleland Norte, Zimbabwe.

Recentemente, fizemos uma homenagem ao Cecil, o Famoso Leão do Zimbabwe. Clique aqui para saber sobre a morte de Cecil.

Mas, resumindo, Cecil era o maior e mais querido leão do  Zimbabwe. Ele foi baleado e morto pelo americano Walter Palmer, um dentista e caçador recreativo, em 01 de julho de 2015.

Cecil foi atraído para fora do santuário em que ele vivia, atingido por uma flecha, perseguido por 40 horas e, finalmente, morto por um tiro de rifle. A morte causou indignação entre os ambientalistas animais.

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (2)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (3)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (4)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (5)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (6)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (7)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (8)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (9)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (10)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (11)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (12)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (13)

Leão Cecil é projetado no Empire State Building (14)